Os Cursos

Piano

O piano é muito conhecido hoje em dia talvez por ter sido o principal instrumento usado por importantes músicos da história, como Mozart e Beethoven.

Munido de um teclado geralmente composto por 88 teclas, o mesmo é um instrumento musical de corda percutida. O som é gerado pelo acionamento dos martelos de madeira, que percutem as cordas em seu interior.

Violão

Em razão de sua praticidade, baixo custo e do fato de não necessitar de uma ligação elétrica, a guitarra clássica ou violão, como é conhecido no Brasil, é um dos instrumentos mais populares da atualidade.

O violão desenvolvido na Espanha passou a ser chamado de vihuela. O mesmo tinha o formato de “oito”, com incrustações laterais, um fundo plano, além de quatro pares de cordas tocadas com os dedos, fato que resultava na geração de um som bastante suave. A partir da vihuela, o violão de antigamente, surgiu outro conhecidíssimo instrumento: a guitarra elétrica.

Técnica Vocal

Quando se diz a um instrumentista que ele canta bem, se faz o maior elogio de todos, já que a voz humana é o instrumento mais perfeito de todos. Muitos cantores apresentam desde criança uma emissão vocal privilegiada, completamente natural. E é preciso cuidar bem dela.

Para se obter a melhor voz, é necessário evitar que ela seja maltratada, pois a arte do canto não é determinada unicamente por uma boa condição vocal, mas requer escola e exercícios metódicos. Uma técnica vocal apurada pressupõe emissão de sons sem forçar os músculos vocais, sem contrações fisionômicas. A ideia é conseguir diversas acomodações do órgão fonador numa busca por registros e impostação da voz.

É primordial que o som, produzido pelo ar saído dos pulmões, passe através das cordas (ou pregas) vocais e encontre maneiras de adequadas de se expandir; que produza uma ressonância harmoniosa, adequando-se aos movimentos de articulação. Além disso, precisa ser controlado pela audição.

Violino

O violino é um dos mais agudos instrumentos musicais. Seu timbre brilhante e inconfundível o torna parte fundamental de qualquer orquestra. Talvez seja por esses motivos que muitos o chamem de o “rei dos instrumentos”.

Musicalização Infantil

A Musicalização Infantil é um poderoso instrumento de educação. Desenvolve na criança a sensibilidade musical, a concentração, a coordenação motora, a sociabilização, a acuidade auditiva, o respeito a si próprio e ao grupo, a destreza do raciocínio, a disciplina pessoal, o equilíbrio emocional dentre outras qualidades que colaboram na formação do indivíduo.

Até mesmo antes de nascer, no útero materno, uma criança já toma contato com elementos fundamentais da música como o ritmo, através das vibrações e pulsações do coração da mãe.

Ao nascer, a relação de uma criança com a música é imediata, através do acalanto da mãe e também através de objetos sonoros da casa e do mundo que a cerca.

Antes de começar a falar, um bebê canta, experimenta sons produzidos com a boca. Quando dá os seus primeiros passos até o ponto de poder ficar em pé, o ritmo de uma música o leva acompanhar com o corpo os movimentos cadenciados. E é a partir dessa relação entre o gesto e o som que uma criança, ouvindo, cantando, imitando, dançando, constrói o seu conhecimento musical.